Menu

Em função da pandemia, Sintraconst-Rio expande período de entrega da carta definido na convenção coletiva

A pandemia de Covid-19 alterou o cotidiano de todo o mundo. E na construção civil do Rio não foi diferente. Todos tiveram que se adaptar, rotinas de trabalho foram revistas, práticas antigas foram alteradas. Tivemos que nos preocupar com distanciamento, uso constante de álcool em gel e estar atentos à temperatura corporal.

E o Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil do Rio de Janeiro, o Sintraconst-Rio, também se adaptou junto com todo o setor. Desde o início da pandemia é preciso agendar horário para atendimento, isso evita aglomerações na sala de espera da sede central.

E as equipes de fiscalização do Sindicato agora também passam a observar se o canteiro segue as normas sanitárias básicas para o combate à Covid-19.

Outra medida necessária tomada pelo Sindicato, diante dos transtornos causados pela pandemia de Covid-19, é a reabertura do período para o recebimento da carta de oposição à cota de participação negocial laboral.

Aqueles que quiserem entregar a carta de oposição devem trazer a carta preenchida de próprio punho, em duas vias, entre os dias 23 de novembro e 4 de dezembro de 2020 (somente dias úteis), das 9h às 16h30, na sede central da entidade.

Todas as regras para recebimento da carta definidas na convenção coletiva, como dados que devem constar no documento e preenchimento de próprio punho, estão mantidas.

Excepcionalmente neste período, no entanto, em função da pandemia, o envio da carta por meio postal ou entrega mediante procuração está permitido. A postagem pelo Correio deve ser feita dentro do prazo de 23 de novembro a 4 de dezembro.

Vale lembrar que aqueles que deixam de contribuir com o Sintraconst-Rio abrem mão automaticamente de garantias da convenção coletiva, como benefícios e outros direitos conquistados nas mesas de negociações da campanha salarial que acontece todo ano.

Voltar ao topo

SINTRACONST-RIO

Departamentos

Siga-nos

Empregadores