Menu

1º de maio: feijoada e reivindicação dos trabalhadores

Para marcar este 1º de maio, a tradicional festa do Sintraconst-Rio, na quadra da Unidos da Tijuca, contou com uma feijoada completa aos trabalhadores.

Festa e reivindicação por geração de empregos e defesa dos direitos deram o tom no evento.

E centenas de trabalhadores da construção civil sindicalizados -- tanto os aposentados como os da ativa -- participaram da feijoada junto a seus dependentes.

Além da roda de samba animada pelo grupo Bangulê, dos sambistas Marcelinho Moreira e Tinga, e as passistas da Unidos da Tijuca, a festa contou com bingo beneficente do Deptaconst (Departamento dos Aposentados do Sintraconst-Rio).

O presidente do Sintracons-Rio, Carlos Antonio, alertou para os embates que os trabalhadores têm atualmente. "Primeiro, temos um desemprego enorme, mais de 13 milhões sem postos de trabalho", destaca Carlos Antonio. "Depois, há a Reforma da Previdência, que se é pra cortar privilégios, corte de todos, não poupe quem está no andar de cima", completa ele.

"O crescimento no Brasil passa pelo desenvolvimento da indústria da construção civil, é bom que o governo saiba disso. E independentemente dessa situação toda, só nós, trabalhadores, unidos e juntos, conseguiremos enfrentar isso tudo", afirma o presidente do Sintraconst-Rio.

Também presente ao evento, o presidente do sindicato das empresas da construção civil do Rio (Sinduscon-Rio), João Fernandes, falou das perspectivas positivas em relação a obras do Minha Casa, Minha Vida no Rio de Janeiro. "Há projeções de investimento na construção de casa própria por parte do governo estadual", relata João Fernandes.

Já o presidente da Federação dos Trabalhadores do Ramo Químico no Rio de Janeiro, Isaac Wallace, frisou que resolver os problemas do Brasil depende dos trabalhadores. "Temos que entender que a política move o país, move tudo, temos que debater e ir pra rua", frisa Wallace.

Bingo Beneficente

Entre os premiados no bingo, está Antonio Adjailson, pedreiro em uma obra residencial na Ilha do Governador. "Saí da festa com um micro-ondas é bom demais", conta ele, com sorriso no rosto. Antonio foi à comemoração do 1º de maio do Sintraconst-Rio acompanhado de sua esposa.

Outro em seu dia de sorte neste 1º de maio foi o carpinteiro Wellington Gomes. Ele saiu do palco carregando seu prêmio e tirando onda. "Essa é a terceira vez que sou premiado nas festas do Sindicato", conta Wellington.

Voltar ao topo

SINTRACONST-RIO

Departamentos

Siga-nos

Empregadores