Menu

Sintraconst-Rio prepara mobilização para o dia 10 de novembro

Junto à Força Sindical e a demais centrais sindicais, o Sintraconst-Rio prepara atos e paralisações para o dia 10 de novembro. A data vai ser marcada pelo Dia Nacional de Manifestações.

Trabalhadores de todo o Brasil vão às ruas protestar contra a Reforma Trabalhista, que entra em vigor a partir do dia 11 de novembro.

Neste dia 9 de outubro, a assembleia geral da Força Sindical alinhou seus sindicatos filiados para as manifestações.

O presidente do Sintraconst-Rio, Carlos Antonio, destacou durante a assembleia que é preciso estar nas bases, na resistência, mas também é imprescindível criar alternativas legais.

“A sindicalização sempre foi importante para o movimento sindical e precisamos do empoderamento das entidades sindicais para termos capacidade de negociação em prol do trabalhador", destaca Carlos Antonio.

O presidente da Força Sindical RJ, Carlos Fidalgo, presidiu a assembleia geral, que lotou o auditório da Força RJ, no centro do Rio. Ao lado dos vice-presidentes Carlos Antonio  e Eusébio Neto, e também do secretário geral Isaac Wallace, Fidalgo informou que um Projeto de Lei (PL) será apresentado pelo deputado federal Paulo Pereira da Silva (SD-SP), o Paulinho da Força, para regulamentar pontos da Reforma Trabalhista, como jornada intermitente e da gestante, custeio sindical, entre outros. O PL deve ser apreciado no Congresso Nacional em regime de urgência.

“Estivemos em Brasília com o presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia e vamos abrir negociação para garantir a representatividade dos trabalhadores, através de Sindicatos fortes e autônomos. Tanto que a plenária aprovou por unanimidade a vinda do deputado Rodrigo Maia à nossa sede, no Rio de Janeiro, para entrega de nossa pauta de reivindicações e um debate aberto sobre a importância da representatividade por categoria e a unicidade sindical”, disse Carlos Fidalgo.

Também representaram o Sintraconst-Rio na assembleia os diretores Davi de Souza, José Roberto da Costa e o coordenador Vaguiner Moura.

No final da plenária, foi formada uma comissão de dirigentes sindicais cuja missão é negociar diretamente com os deputados federais do Rio de Janeiro apoio ao PL que será apresentado em breve na Casa.

Com informações Força Sindical RJ

Voltar ao topo

SINTRACONST-RIO

Departamentos

Siga-nos

Empregadores